Visão

É necessário mais que óleo e filtro padrão para estender a vida útil do motor e o tempo entre as trocas de óleo. Especialmente com os motores superiores a 2009, que tem maiores padrões de emissão enquanto operam a temperaturas mais elevadas, com taxas muito mais altas de contaminação. Os filtros de óleo padrões são “fluxo total”, o que significa que filtram “todo” o óleo que entra nas finas tolerâncias do motor em uma única passagem. Estes filtros são geralmente classificados em 25 mícrons e são projetados para passar grandes volumes de óleo a taxas de fluxo elevadas, limitando sua capacidade para eliminar grandes volumes de partículas ultrafinas de 1-15 mícron de tamanho (tais como fuligem e carbono). Estas partículas ultrafinas representam a maior contaminação associada ao desgaste do motor. Além disso, os filtros padrões não eliminam eficientemente a água produzida no processo de combustão. Isso causa a formação de ácidos no óleo, acelerando a deterioração dos aditivos e aumentando a ação corrosiva no interior do motor. Os filtros padrões não podem por si só manter o óleo constantemente limpo, reduzir o desgaste do motor ou prolongar a vida útil do óleo.

A filtração auxiliar Generation 2™ tem a capacidade de polir pequenos volumes de óleo em baixas taxas de fluxo, abaixo de 1 mícron, através da precisão de multicamadas do elemento de celulose de fluxo axial. Esse elimina a contaminação ultrafina e a água normamente perdida pelos filtros padrões de fluxo total. Com quatro etapas de filtração, os elementos do Generation 2™ são projetados para encontrar os níveis de contaminação associados a nova geração de motores equipados com um hardware de cotrole de emissão sofisticado, incluindo todos os tipos de Recirculadores de gás de escape (EGR’s), Filtros de partículas Diesel (DPF) e a tecnologia ACERT. Com a capacidade do G2F para trabalhar eficientemente nestes motores altamente contaminados, os elementos G2F tem uma vantagem agregada quando instalados em motores pré 2010.

Comments are closed.